RECADO RÁPIDO do Hiklaus ;)

Oi, gente. Como vocês já perceberam, o blog está há alguns meses sem atualizações. Temos um motivo para isso, o tempo disponível para as atividades com o TMJ Melhores está bem curto então eu tive que escolher entre o blog e a página no facebook. E escolhi a segunda opção pois a página é mais fácil de ser atualizada e tenho um retorno muito maior que no blog.

Para deixar bem claro, o blog TMJ Melhores não está acabando, só está tirando umas férias prolongadas, mas estamos no facebook com atualizações quase todos os dias.

Então nos acompanhe no facebook.com/tmjmelhores que iremos avisar lá sobre a volta do blog, OK?!

Um abraço! ;)

TMJ#87: Emergência Médica - Palpites

By  Mallagueta Pepper

A capa da TMJ 87 já saiu faz tempo, mas só agora consegui escrever alguma coisa. sabe... confesso que não tenho assim muito o que falar dessa história.

No face o pessoal levantou a teoria de que Cebola e Mônica vão visitar o DC no hospital e então ficam presos ali tentando lidar com uma praga. Basicamente isso.

O tal médico rabugento deve ser o mesmo da ed. 86 que é uma paródia do Dr. House.

E, claro, tem a enfermeira bonitinha do cabelo rosa pela qual o Cebola vai ficar babando feito um mané. Pelo menos desta vez (eu espero) a Mônica não vai se descabelar de ciúmes.

Primeiro: que praga é essa? Algum experimento que deu errado? Algum tratamento que teve efeito colateral nos pacientes e virou uma praga? Ou seria um vírus de computador que evoluiu e adquiriu a capacidade de infectar seres humanos? Eu pensei nisso por causa do robô na capa. O que seria esse robô? Talvez a central de controle do hospital? Ele pode ser uma inteligência artificial encarregada de controlar o sistema do hospital, mas saiu do controle e acabou criando esse vírus que se tornou uma praga.

Ele pode ser uma entidade real e material, ou então pode ser apenas uma imagem dentro do computador (tipo a Diana) que adquiriu inteligência e vontade própria. Pelo menos essa é a alternativa mais óbvia, porque existe a possibilidade de o roteirista ter criado algo diferente e no fim o robô não ser o responsável pela praga e sim alguém tentando contê-la. Quem seria o responsável então?

O segundo suspeito é a enfermeira bonita do cabelo rosa. Eu ainda não sei se ela é humana ou outra inteligência artificial. O mais provável é que seja humana mesmo, talvez uma médica ou enfermeira tentando ajudar a conter o vírus. Mas é claro que fica a possibilidade de ela ter disseminado a praga por algum motivo, talvez uma experiência dela que deu errado ou então foi intencional mesmo, sei lá. De repente ela infectou as pessoas porque queria testar alguma coisa ou achou que estava fazendo algo bom.

Então, Mônica e Cebola vão ter que trabalhar juntos para dar um jeito nessa praga, coisa que o DC não vai gostar muito. Mas é provável que não aconteça assim muita coisa porque a história não é da Petra, então não vai ser dessa vez que a Mônica irá terminar com o DC e voltar para o Cebola. Sorry (SQN).

Ainda assim pode causar alguma tensão entre os dois, já que o DC sabe que a Mônica tem uma longa história com o Cebola e ainda não está acostumado a lidar com os ciúmes. Ele fala que confia nela, mas até onde vai essa confiança? É forte o bastante ver os dois trabalhando juntos e em cumplicidade? E se eles ficarem sozinhos em alguma sala em determinado momento? Será que o Cebola vai tentar algo? O DC vai confiar que realmente não houve nada? Mistéeeerio!

Bom, o desfecho a gente sabe: a praga vai ser contida, descobrirão o verdadeiro culpado, o relacionamento da Mônica com o DC vai ficar mais fortalecido (ou abalado), o Cebola vai sair com cara de quem chupou limão por mais um dia sem conseguir nada com a Mônica, fim.

No início eu até pensei que alguém fosse arrumar uma namorada humana para o Cebola, mas duvido que a médica tenha idade para ficar com ele, apesar de ela ter a aparência jovem. Só mesmo se for uma estagiária, ainda assim ela seria mais velha que ele. Acho que ele vai ficar encalhado por mais um tempo.

À princípio eu tenho esperanças de que não coloquem a Mônica se descabelando de ciúmes por causa da médica. Mas pode acontecer de ela ficar desconfiada e tentar alertar o Cebola, mas ele vai achar que é ciúmes e vai ficar fazendo pirraça, tentando provocá-la, talvez esnobar e no fim irá quebrar a cara e pedir desculpas. É algo que eu gostaria de ver.

Quanto à capa, eu gostei bastante apesar de a cara da Mônica ter ficado assim meio estranha. E mais uma vez temos outra garota misteriosa de cabelo rosa que talvez esconda algum segredo. Sério, não podiam pensar em outra cor para o cabelo dela? Tem sempre que ser rosa? Foi isso que me fez duvidar um pouco de que ela fosse humana. A não ser que seja a Diana com alguma mudança na imagem.

O robô ficou bem legal e aquelas minhocas saindo dele dão um aspecto de que ele infecta as pessoas, espalha vírus, sei lá. Por um instante eu cheguei a pensar que fosse aquele robô que apareceu na ed. 77, mas a cara dele é diferente.

Bem, vamos ver se a história será boa mesmo. Às vezes acontece de eu não dar muita coisa pela história e ela acabar me surpreendendo. Espero que seja esse o caso da ed. 87.

Saiba Mais: Halloween!



O Halloween é uma festa comemorativa celebrada todo ano no dia 31 de outubro, véspera do dia de Todos os Santos. Ela é realizada em grande parte dos países ocidentais, porém é mais representativa nos Estados Unidos. Neste país, levada pelos imigrantes irlandeses, ela chegou em meados do século XIX.

História do Dia das Bruxas

A história desta data comemorativa tem mais de 2500 anos. Surgiu entre o povo celta, que acreditavam que no último dia do verão (31 de outubro), os espíritos saiam dos cemitérios para tomar posse dos corpos dos vivos. Para assustar estes fantasmas, os celtas colocavam, nas casas, objetos assustadores como, por exemplo, caveiras, ossos decorados, abóboras enfeitadas entre outros.

Por ser uma festa pagã foi condenada na Europa durante a Idade Média, quando passou a ser chamada de Dia das Bruxas. Aqueles que comemoravam esta data eram perseguidos e condenados à fogueira pela Inquisição.

Com o objetivo de diminuir as influências pagãs na Europa Medieval, a Igreja cristianizou a festa, criando o Dia de Finados (2 de novembro).

Símbolos e Tradições

Esta festa, por estar relacionada em sua origem à morte, resgata elementos e figuras assustadoras. São símbolos comun
s desta festa: fantasmas, bruxas, zumbis, caveiras, monstros, gatos negros e até personagens como Drácula e Frankestein.

As crianças também participam desta festa. Com a ajuda dos pais, usam fantasias assustadoras e partem de porta em porta na vizinhança, onde soltam a frase “doçura ou travessura”. Felizes, terminam a noite do 31 de outubro, com sacos cheios de guloseimas, balas, chocolates e doces.

Halloween no Brasil

No Brasil a comemoração desta data é recente. Chegou ao nosso país através da grande influência da cultura americana, principalmente vinda pela televisão. Os cursos de língua inglesa também colaboram para a propagação da festa em território nacional, pois valorização e comemoram esta data com seus alunos: uma forma de vivenciar com os estudantes a cultura norte-americana.

Críticas

Muitos brasileiros defendem que a data nada tem a ver com nossa cultura e, portanto, deveria ser deixada de lado. Argumentam que o Brasil tem um rico folclore que deveria ser mais valorizado. Para tanto, foi criado pelo governo, em 2005, o Dia do Saci (comemorado também em 31 de outubro).

A comemoração da data também recebe fortes críticas dos setores religiosos, principalmente das religiões cristãs. O argumento é que a festa de origem pagã dissemina, principalmente entre crianças e jovens, ideias e imagens que não correspondem aos princípios e valores cristãos. De acordo ainda com estes religiosos, as imagens valorizadas no Halloween são negativas e contrárias à pratica do bem.

Fonte: Sua Pesquisa.

FANFICTION!! - "Testemunhas" (parte 2 de 2)

Mônica Fan Made - Nº3

LEIA CLICANDO AQUI :3

SINOPSE: "Mônica e Cebola estão sendo perseguidos por um devorador de almas e Magali dispõe ajudá-los com seus conhecimentos místicos, mas seu plano não sai como planejado. Não perca a úlma parte da fanfiction "Testemunhas".
TÍTULO: Testemunhas (Parte 2 de 2) (20 páginas)
ROTEIRO: Hiklaus.
ILUSTRAÇÃO: Hiklaus.
GÊNEROS: Mistério, Aventura, Terror.
Aconselhável para maiores de 10 anos.


NOVA FANFICTION!! - "Testemunhas" (parte 1 de 2)

Mônica Fan Made - Nº2

LEIA CLICANDO AQUI :D

SINOPSE: "É Halloween! Mas os alunos do colégio do Limoeiro estão atarefados demais para festejar. Quando Mônica e Cebola saem da casa de Carmen passam em frente ao cemitério e encontram algo que pode comprometer a vida do casal. O que será? Descubra na primeira parte de "Testemunhas", a nova revista Mônica Fan Made."

TÍTULO: Testemunhas (Parte 1 de 2) (18 páginas)
ROTEIRO: Hiklaus.
ILUSTRAÇÃO: Hiklaus.
GÊNEROS: Mistério, Aventura, Terror.
Aconselhável para maiores de 10 anos.

Comente o que achou desta história e da capa desenhada por mim :)


Caderno do Riso. Crie o seu!

Quem aí se lembra da saga "Caderno do riso" (TMJs 23 e 24)?! Essa é uma das minhas favoritas, li várias vezes... Mas enfim, olhando o blog TMJ Diversidades vi um tutorial bem fácil e que vai permitir que você crie seu próprio Caderno do riso. Demais né?

 Download

Para fazer o caderno do riso, faça primeiro o download da imagem acima, clicando no nome "Download" ou clique em "salvar como".

Vai precisar de:

1- tesoura
1-cola ou grampeador
4 ou 5 folhas de ofício ou caderno
1- capa dura de caderno velho
1- impressão da folha acima

Muito simples, recorte as 4 folhas ao lado e cole na capa de caderno na ordem da sequência (VERTICAL). As folhas de oficio ou caderno são para acompanhar as páginas do caderno, para preencher ao menos com alguma coisa!

O que é "Mônica Fan Made"??? + Comentários sobre a nova fanfiction

É bem feliz que publiquei a minha mais recente fanfiction, "Maria Sangrenta" em um projeto novo que estou fazendo no facebook, o Mônica Fan Made, que é o título da nossa nova revista digital. A partir desta, todas as fanfictions do TMJ Melhores irão ser publicadas também no formato PDF para simular uma revista "de verdade".

Mas o que é Mônica Fan Made?


O nome “Mônica FAN MADE” foi criado pelo TMJ Melhores, e como o próprio nome diz, mostra um novo universo de Turma da Mônica Jovem criado por fãs.

Este projeto vai ser diferente do que você está acostumado a ver. A começar pelas histórias. Para que você realmente entenda o que está acontecendo em “Mônica FAN MADE”, é necessário esquecer tudo o que sabe, ou pelo menos os fatos mais atuais, de Turma da Mônica Jovem.

Isso porque o “Mônica FAN MADE” vai tratar a TMJ como se ela estivesse no início dos tempos. Vamos começar do zero e criar as nossas próprias aventuras que vão rolar em um universo paralelo diferente do oficial.

E é importante avisar isso para que não haja confusões num futuro próximo...

Sobre os personagens

Vão continuar sendo os mesmos e com as mesmas características... O que vai mudar é o ritmo de dia-a-dia deles.

Por exemplo: Se você está acostumado a ver Mônica e Do Contra namorando, saiba que talvez, em Mônica FAN MADE Mônica esteja namorando Cebola...

Entenderam como
vai funcionar?

Repetindo, vou começar do zero...

Sobre a publicação das revistas

Isso é meio difícil de falar, pois uma fanfiction pode parecer simples se ser bolada, mas é bem complicada de sair da mente e parar no computador... Então a periodicidade das edições vai variar de acordo com o tempo disponível para escrever e a criatividade da equipe. Até porque este projeto é sem fins lucrativos então não dá pra viver disso... Pode ser que seja uma revista mensal.... Pode ser...



Enfim, voltando à nossa Mônica Fan Made #1, vim postar um print dos comentários de vocês sobre a fanfiction, fiquei feliz com o retorno de vocês e já estou preparando novidades. Confira a reação da galera :D

Enfim, a vocês que curtiram e comentaram o trabalho, o meu muito obrigado!